A Comissão de Utentes dos Transportes Públicos de Sacavém reuniu com a população, no dia 3 de abril, para dar conta do trabalho realizado até agora na defesa de mais e melhores transportes públicos para a cidade.

Na sessão pública realizada na Academia Recreativa Musical de Sacavém, a Comissão de Utentes dos Transportes Públicos de Sacavém informou das 2670 assinaturas já recolhidas, bem como das reuniões realizadas com várias entidades, nomeadamente com a União das Freguesias de Sacavém e Prior Velho, Câmara Municipal de Loures, Carris, Área Metropolitana de Lisboa e Câmara Municipal de Lisboa.

Na sessão, ficaram patentes como principais exigências os prolongamentos das carreiras da Carris, nomeadamente a 708, até à Praça da República (atualmente termina na Foz do Trancão); a extensão das 725 e 781, até à rotunda do LIDL (atualmente terminam no Prior Velho); e o alargamento da 783 até à Quinta do Património (atualmente termina na Portela).

A Comissão de Utentes defende também um passe intermodal que inclua todos os meios de transporte, todos os operadores e todas as carreiras dentro da Área Metropolitana de Lisboa. Defende aina a alteração das coroas e a extensão da rede de Metropolitano até Sacavém.

Para esta sessão com a população foram convidadas a Câmara Municipal de Loures, União das Freguesias de Sacavém e Prior Velho e a Associação de Comerciantes de Sacavém.